Você sabia que é possível realizar muitas cirurgias na mão com o paciente acordado, sem necessidade de anestesia geral ou sedação? E tudo isso com maior segurança para você e sem dor?


Esta técnica é conhecida internacionalmente como WALANT (Wide Awake Local Anesthesic no Tourniquet). Em português a sigla significa procedimento com paciente acordado, com anestesia local e sem uso de torniquete. Popularizada por Dr. Donald Lalonde do Canadá, vem ganhando popularidade ao redor do mundo devido a suas inúmeras vantagens. Hoje, no Canadá, a maioria das cirurgias para síndrome do tunel do carpo é realizada desta maneira.

Quais as vantagens para o paciente?

    • Maior segurança, pois não é necessária anestesia geral ou sedação, eliminando os riscos associados a elas, principalmente para pacientes com doenças cardíacas, pulmonares, diabetes e etc. Além disso, elimina os efeitos colaterais da anestesia, como enjôo, vômitos, perda de memória ou dificuldade para urinar.
    • Possibilita você receber instruções do cirurgião durante o procedimento, sobre cuidados, pós operatório, informações sobre a cirurgia. Utilizando esse tempo precioso para informar o paciente.
    • Elimina a necessidade de realizar consulta pré anestesica e exames pré operatórios. Consequentemente, economiza o tempo do paciente em consultas e exames desnecessários e evita procedimentos incômodos como colher sangue para exames e menos exposição a radiação de radiografias de tórax.
    • Similar a ir ao dentista, não é necessário acompanhante durante ou após o procedimento. Paciente pode ir para casa após alguns minutos do término da cirurgia, simplificando todo o processo.
    • Não há necessidade de jejum.
    • Impossibilidade de operar o lado errado, pois você estará acordado em todo o processo.
    • Não precisa ter medo do que pode acontecer com você dormindo, você estará acordado e pode tirar qualquer duvida ou receio durante a cirurgia.
    • Em algumas cirurgias como reconstrução, liberação ou transferências tendíneas, os resultados são melhores, pois o paciente pode realizar alguns comandos solicitados pelo cirurgião ajudando ativamente na cirurgia.
Cirurgia acordado é mais comodidade, mais segurança e controle para o paciente!
Mas eu tenho medo de agulhas, isso não serve para mim...

Na figura podemos ver o tamanho da agulha rosa, no topo da imagem, que é utilizada para puncionar a veia para exames pré operatórios e para realizar a anestesia geral ou sedação. São no mínimo duas furadas com essa agulha de cima, uma para colher exames e outra para administrar os medicamentos para dormir. Agora compare com as agulhas utilizadas na técnica WALANT da cirurgia acordado. Uma furadinha com uma das agulhas brancas de baixo é toda a dor que você irá sentir para fazer a cirurgia.

IMG_0632

Como é o procedimento exatamente?

Paciente deverá chegar no local onde será feita a cirurgia com uma certa antecedência, e o seu cirurgião irá realizar a anestesia no local que será operado com uma das  agulhas que você viu acima. Essa anestesia é feita com adição de adrenalina para diminuir o sangramento e dispensar o uso do torniquete ou garrote. É necessário aguardar 30 minutos no mínimo para a anestesia local fazer efeito. Após esse período a cirurgia pode ser realizada, e durante todo o tempo você poderá conversar com o cirurgião, tirar duvidas e receber instruções. Ao final do procedimento, você pode ir embora para casa. Durante o procedimento você pode ouvir música se quiser e não precisa ver a cirurgia, apesar de poder ver caso deseje.

Crianças também podem realizar cirurgias desta forma contanto que possam obedecer comandos e manter a mão ou punho parados enquanto é realizada a anestesia local.

Existem contraindicações?

Pacientes muito ansiosos ou que não desejem ficar acordados durante a cirurgia não são bons candidatos para esse tipo de procedimento. Algumas cirurgias mais complexas, ou muito demoradas também são melhor realizadas com o paciente dormindo. Fraturas de punho, lesões de plexo braquial, fraturas de cotovelo e ombro, por exemplo, não são boas candidatas para WALANT.

Cirurgias para síndrome do tunel do carpo, rizartrose, dedo em gatilho, tendinite de De Quervain, cistos no punho, transferencias ou reconstruções tendíneas, liberação de aderências tendíneas e muitas outras são excelentes candidatas para esse procedimento.

Converse com seu cirurgião sobre a possibilidade de realizar sua cirurgia acordado, ficarei muito feliz em tirar todas suas dúvidas e planejar a sua cirurgia da melhor forma possível.

error: Conteúdo protegido, caso queira compartilhar algo entre em contato.